Ariel Pires de Almeida

Por fim, a interatividade (IV)

In Uncategorized on 26/08/2009 at 13:54

nternet_globo.0

Sejamos práticos,

Não há como saber como funciona a cabeça de um moleque que nasceu em 1997, eu que nasci dez anos antes. Nasceu sem saber o que era o mundo sem internet, tv a cabo, celular, ‘livre’ da AIDS, perseguindo o câncer, Michael Jackson negro e pedófilo, as torres em pé – eu as vi em 1998 -, Carandiru, Ubiratan, Maluf, Brizola, crack, Maradona, Romário, Flamengo, Vasco, Palmeiras.

Eu que em 93 – minhas primeiras lembranças – recordo do São Paulo campeão mundial (92), Palmeiras campeão Brasileiro (93,94 – considerados muito mais na época que o bimundial), de Bebeto, Branco, Romário.

Quais são as primeiras lembranças – ludopédicas ou não – desta pobre criança fadada ao século XXI, ignorante das façanhas melancólicas que pude entrever naquela última década do XX?

Não li muito nesta época, não me interei no majestoso Conceito, desabado qual o Mappin – implodido para a construção do Extra (1999). Dos irmãos Walter e Herbert para as mãos de Abílio Diniz – grupo Pão de Açúcar.

Os filhos de Abílio lêem mais ou menos que li ou leram os próprios abílios?

Tenho uma opinião…

MUITO MAIS!

Por que?

Especialmente pelo desenvolvimento da tecnologia da internet, icms e a consolidação do mundo digitalizado. No meu tempo, as cartas haviam sido abolidas e o email não estava imposto. A comunicação era por telefone. Lembro-me que o primeiro email que mandei, confirmei por telefone qual um fax.

Uma criança do futuro gozaria de minha cara…

Puristas afirmam que o jovem de hoje está assassinando o Verbo, um ato essencialmente genocida. Kd, vc, pq, pqp, c, t, q, cu………….pq ñ lê o q ha d + concreto da língua culta portuguesa? Tal bela qual complexa? Um potencial às divagações e construções teóricas pouco ou muito elaboradas, mas sempre verborrágicas! Um português qual qualquer latino mercê adquirir de seu correspondente puritano um saco de vírgulas. Não são caras. Mais baratas que os entorpecedores que esses pseudo-fidalgos infantes se embelezam tanto em se utilizar.

Esquecem os Puristas que tais jovens não lêem apenas pelos kds e vcs, mas também pelos quandos, ondes, porques da língua comum. Falam português, entendem espanhol, inglês, quando não francês ou africânder. O que sabem vcs, caros Puristas, que mal vislumbram a diferença de um falcão com um serrote quando o vento cruza nor nordeste?

Que têm a oferecer?

Qual seu Conceito para o século XXI? Vc q o formulará em sua língua franca e vulgar? Ou pensas que não há mais o que formular? Já fora provado que as divagações de séculos passados a nada levou, apenas à morte reveladora e vingativa. Não sabem vcs, Puristas, que é a isso que sempre a vida se encaminha.

A morte sempre será dura e vingativa, quado não genocida.

morte

  1. Interessante reflexão, Ariel. Acho que esta questão é uma faca de dois gumes. Por um lado há os puristas, mas por outro lado há uma juventude – ávida por expressar-se, sim – que entra no mundo das letras pelas portas dos fundos não necessariamente por opção própria, mas porque a porta principal é estreita e o guardião de suas chaves é bastante ekitista e preconceituoso.

    Ocorre, de qualquer forma, que uma enorme massa de jovens vem se articulando via comunidades virtuais. Ainda que unidos por interesses muitas vezes banais, cedo ou tarde perceberão que há uma vigorosa cultura paralela àquela dos puristas literários.

    E se esse mundo mais formal da cultura literária e acadêmica realmente acredita naquilo que tem a dizer, ou se propõe a ocupar os espaços que a juventude ocupa, ou evelhecerão e pegarão o bonde da História já andando e lotado. E não duvido que os jovens nem se importarão em ceder seus lugares a esses idosos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: